Skip to Content

Tag: home office

Sem respostas

Home office: prática cresce entre empresas e colaboradores

Saiba como montar seu próprio escritório em casa e veja dicas de como ter uma rotina organizada e eficiente

 

Com um crescente número de adeptos, o home office nada mais é do que trabalhar em casa. Os motivos que têm levado as empresas a contratarem cada vez mais profissionais para trabalharem em suas próprias casas vão desde gastar menos tempo e dinheiro no trânsito a avaliar os colaboradores pelos resultados, não necessariamente pelo tempo em que estão presencialmente no escritório.

As áreas que mais contratam no esquema home office são vendas, tecnologia da informação, marketing e recursos humanos. Os consultores e planejadores também têm funções que permitem atuar de casa, já que podem trabalhar sozinhos e geralmente devem estar focados em projetos e campanhas que precisam de concentração, o que nem sempre é conseguido no local de trabalho, com várias pessoas no mesmo ambiente.

O home office pode ser adotado alguns dias por semana: trabalha-se em casa e, quando necessário, o colaborador comparece ao escritório.

Apesar de parecer mais fácil, o home office exige muito foco do profissional. Algumas pessoas simplesmente não foram moldadas para render de maneira tão despojada, pois deixam suas tarefas “para depois”. No entanto, com um pouco de concentração e organização, é possível se disciplinar e aproveitar ao máximo as vantagens da prática.

 

Como compor seu próprio home office

 

Para se trabalhar em esquema home office, primeiro é importante compor o ambiente. Se possível, disponha de um cômodo exclusivo para esta finalidade – equipado com computadores, conexão à internet, telefones, arquivo, materiais de papelaria, mesa e cadeira. Uma agenda pode parecer um simples e comum acessório, mas ela ajuda o profissional a manter uma rotina e deixa seus compromissos organizados.

Tenha foco para ser eficiente! O ambiente caseiro é cheio de distrações, como a TV, geladeira e até outras pessoas. Por isso, determine o horário de trabalho e respeite-o como se estivesse na empresa, fazendo intervalos para almoço e café. Mas não abuse da sua independência.

Deixe claro para as pessoas de seu convívio, principalmente aquelas que eventualmente morem com você que, apesar de ser remotamente, seu trabalho deve ser executado como se você estivesse no escritório, então, seu tempo precisa ser respeitado.

Depois das suas obrigações, não deixe de socializar. Mantenha contato com outras pessoas, pois o isolamento pode causar ansiedade e até depressão.

Sem respostas

O que fazer de diferente para você se destacar e virar efetivo

No final do ano muitas portas se abrem para trabalhos temporários, e muitos trabalhadores são efetivados por se destacarem em suas tarefas.  Se você entrou em um trabalho temporário aproveite a oportunidade para mostrar o seu potencial e o quanto pode contribuir para o crescimento da empresa.

Para que a efetivação seja realizada é preciso que duas coisas aconteçam:

1. A empresa tem que sentir necessidade de absorver para seu quadro uma maior quantidade de pessoas;

2. O trabalhador deve destacar-se em meio aos demais, pois a chances de que todos os temporários se tornem efetivos é muito pequena.

 

Confira dicas para ser efetivado:

 

1. Se capacite: é importante que a empresa perceba que você está investindo em você, com o objetivo de se capacitar no mercado de trabalho. Busque cursos on-line, leia livros importantes da sua área, converse com pessoas interessantes e, acima de tudo, colocar em prática o seu conteúdo é fundamental.

img_02162

 

 

2. Fique atento e interessado: funcionário que acabaram de chegar na empresa e começam a questionar sobre seus “direitos” são muitas vezes desaprovados. Mostre trabalho, compreenda os processos, maximize seu nível de contribuição. Esteja atento aos detalhes e demonstre interesse na empresa (e seus resultados).

corretor-imoveis-seja-oportunidade-do-mercado

 

3. Aprenda a trabalhar em equipe: uma das maneiras do temporário ser valorizado é por sua capacidade de trabalhar em grupo. As empresas têm buscado funcionários que pensam no grupo e que podem se relacionar com os colegas. Assim, desenvolver a capacidade de adaptação e flexibilidade é fundamental. Evite estar focado apenas em seus negócios. É importante lembrar que o bom desempenho de uma empresa depende do trabalho feito por toda a equipe.

trabalho equipe_1

 

4. Aprenda a ouvir: respeitar a opinião dos seus colegas de trabalho é uma tarefa que permite o reconhecimento, confiança e valorização, estabelecendo uma relação profissional de respeito. Portanto, aprenda a ouvir!

como-ouvir-seu-cliente

 

5. Seja positivo: se você ir todos os dias trabalhar com vibrações positivas, as pessoas vão considerá-lo o tipo de pessoa que pode lidar com o estresse, incerteza e problemas. Ou seja, alguém que permanece calmo, sereno, confiante e controlado. Mostre-se otimista o tempo todo. Uma vez que outros começam a considerá-lo como uma pessoa de temperamento alegre e positivo estarão dispostos a tê-lo ao seu lado, e com ela a possibilidade de querer você por mais tempo na empresa só aumenta.

3pense-positivo

 

 

Ter vontade de ser efetivado não é o bastante, a oportunidade aparece para os que têm vontade de crescer na profissão, capacidade para aprender e o mínimo de recursos para executar as principais tarefas. A principal dica é: acredite e busque ir além.

Independente se vão efetiva-lo ou não, acredite.
Mas cedo ou mais tarde será valorizado por isso!

Sem respostas

As marcas mais valiosas do Mundo

A consultoria de Brand Finance divulgou o relatório de BrandZ 2015 com as marcas mais valiosas do mundo.  Juntas, as 100 mais valem 3,3 trilhões de dólares (14% mais que no ano passado).

O grande destaque do ranking é a Apple e Samsung que tirou o posto de primeiro lugar do Google. Confira as 10 mais:

 

1º. Apple: US$ 128,3 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidosog

2º. Samsung: US$ 81,7 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Coreia do Sul

Samsung_Logo.svg_

 

3º. Google: US$ 76,6 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidos

go

 

4º. Microsoft: US$ 67 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidos

Microsoft-Logo-20121

 

5º. Verizon: US$ 59,8 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: Estados Unidos

VZ_logo_850x640

6º. AT&T: US$ 58,8 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: Estados Unidos

att_416x416

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7º. Amazon: US$ 56,1 bilhões

Setor: Comércio eletrônico | País: Estados Unidos

amazon_logo_RGB

 

 

8º. General Electric: US$ 48 bilhões

Setor: Diversos | País: Estados Unidos

2000px-General_Electric_logo.svg

 

9º. China Mobile: US$ 47,9 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: China

china_mobile-logo

 

10º. Walmart: US$ 46,7 bilhões

Setor: Varejo | País: Estados Unidos

walmart

 

 

Fonte: Brand Finance

Lista completa neste link

 

Agora confira 5 lições que podemos aprender com milionários

Sem respostas

Coworking, uma prática em ascensão

O termo coworking surgiu lá nos anos noventa e significa, em tradução livre, trabalho colaborativo. Servindo para definir os espaços de trabalho onde profissionais de diferentes áreas desenvolvem suas atividades, é também uma saída para quem trabalha sozinho ou a distância, mas não se adapta ou cansou da solidão imposta pelo home office ou escritório virtual. Outro ponto onde o isolamento interfere, e fundamental em algumas profissões, é o networking.

(mais…)

Sem respostas

Home office não é para todos

Já falamos aqui no blog da Corpo Rico sobre as vantagens e desvantagens de trabalhar em casa, mas será que o home office é para todos?

4

Por mais estranho que pareça, alguns perfis profissionais não se adaptam às necessidades do escritório em casa. Veja as características de quatro perfis que não combinam com o home office:

Workaholics
Para os viciados em trabalho, o horário flexível permitido pelo home office pode ser uma armadilha, podendo os levar a estender a jornada até ao longo do fim de semana. O resultado: baixa qualidade de vida.

Muito jovens ou recém-contratados
Iniciar a carreira direto no home office pode ser um problema. É preciso aprender, antes, toda a dinâmica da empresa e as funções a serem desempenhadas, antes de se aventurar no trabalho em casa.

Os acostumados ao trabalho em equipe
Os profissionais acostumados a essa prática podem enfrentar dificuldades ao encarar a rotina de um home office, sem o ‘apoio’ de seus colegas durante o desempenho de suas funções. Contudo, pode-se estabelecer dias para que o profissional esteja presente na empresa, para que ele não se isole, além da comunicação, que deve ser constante.

Indisciplinados
Há os que acreditem que trabalhar em casa é poder vestir pijama e pantufas. Até pode, mas ainda assim é preciso cumprir metas e entregar resultados. Para isso, é necessário ter disciplina e senso de gerenciamento, para organizar o tempo e as atividades a serem realizadas. Se o profissional é do tipo que precisa de cobrança constante, o home office não é uma prática a ser considerada.

Sem respostas

5 dicas para quem trabalha em home office

Um dos maiores problemas de quem é adepto do home office é lidar com os problemas que a liberdade traz. Para enfrentar esses obstáculos no dia a dia, listamos 5 pontos simples que vão ajudar a melhorar sua produtividade.

1

1 – Organização
Defina locais apropriados para o material de escritório, documentos e equipamento, e mantenha tudo no seu devido lugar, sempre. Um ambiente bagunçado pode te fazer perder tempo e concentração.

2

2 – Limpeza
Não basta tirar a poeira do computador e recolher o lixo. Comer no ambiente de trabalho, além de sujar, pode atrair insetos (especialmente formigas) em busca de alimento, e ninguém gosta de dividir o teclado do computador com pequenos seres andando por cima. Para quem mora em locais com incidência de cupins, cuidado redobrado, eles adoram fazer seus ninhos dentro de computadores, além de destruir móveis.

5

3 – Temperatura
Os dias tem sido bem quentes neste verão. O excesso de calor, ainda mais em um ambiente menor, além de prejudicar a concentração acaba por irritar quem tem de lidar com ele. O mesmo vale para o frio. Procure manter a temperatura do home office em um nível que lhe agrade, consequentemente sua produtividade melhorará.

4

4 – Ambientação
Produtividade está diretamente relacionada a motivação e bem-estar. Faça do seu ambiente de trabalho um espaço alegre e agradável. De nada adiante ter o mais moderno home office, se ele não te estimula a criar.

3

5 – Tranquilidade
Se sua casa é movimentada e barulhenta, opte pelo canto mais silencioso. Crianças e animais de estimação podem tirar o foco e atrapalhar durante a realização de tarefas importantes. Concentrar-se é tarefa essencial para quem trabalha sozinho. Uma dica: ouça suas músicas preferidas. Usar fones de ouvido ajuda a te isolar das distrações auditivas, e ouvir boa música faz com que você fique mais motivado e determinado.

E o mais importante, procure sempre melhorar seu espaço de trabalho. Vale mudar os móveis de lugar, as fotos nos porta-retratos ou comprar um teclado novo.