Skip to Content

Tag: marketing

Sem respostas

Profissão: Papai Noel

Em dezembro tudo fica mais lindo, a decoração encanta a todos, e o Papai Noel toma vida. Engana-se quem pensa que basta uma barba branca falsa e a famosa roupa vermelha para se tornar o Papai Noel. Para encarnar o bom velhinho, há quem cultive a longa barba durante o ano todo e propositalmente mantenha-se um pouco acima do peso – tudo para conferir mais veracidade ao papel tão querido pelas crianças.

A profissão paga muito bem. Em média, os ganhos de um Papai Noel contratado por um shopping center, variam de R$ 8 mil até 17mil, no período que vai de meados de novembro até o dia 24 de dezembro, em alguns casos sendo estendido à primeira semana de janeiro.

papai_noel (1)
Fonte: Imagens Google

O cachê para eventos, festas e afins variam de R$ 150 a R$ 500 (que podem ser pagos pela diária ou por duas horas de trabalho, a depender do contrato). Isso sem contar com outras ações publicitárias, como fotos para campanhas em revistas, jornais e comerciais para a televisão.

mos-craciun
Fonte: Imagens Google

É bom lembrar que nem todos têm perfil para essa atividade. É preciso, sobretudo, ter paciência para lidar com gente. Quem desempenha essas funções trabalha de quatro a oito horas por dia, os sete dias da semana, no período natalino. Sem contar com todos os eventos e festas possíveis de serem feitos, que aumentam os rendimentos, mas também geram mais cansaço.

 

Sem respostas

As marcas mais valiosas do Mundo

A consultoria de Brand Finance divulgou o relatório de BrandZ 2015 com as marcas mais valiosas do mundo.  Juntas, as 100 mais valem 3,3 trilhões de dólares (14% mais que no ano passado).

O grande destaque do ranking é a Apple e Samsung que tirou o posto de primeiro lugar do Google. Confira as 10 mais:

 

1º. Apple: US$ 128,3 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidosog

2º. Samsung: US$ 81,7 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Coreia do Sul

Samsung_Logo.svg_

 

3º. Google: US$ 76,6 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidos

go

 

4º. Microsoft: US$ 67 bilhões

Setor: Tecnologia | País: Estados Unidos

Microsoft-Logo-20121

 

5º. Verizon: US$ 59,8 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: Estados Unidos

VZ_logo_850x640

6º. AT&T: US$ 58,8 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: Estados Unidos

att_416x416

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7º. Amazon: US$ 56,1 bilhões

Setor: Comércio eletrônico | País: Estados Unidos

amazon_logo_RGB

 

 

8º. General Electric: US$ 48 bilhões

Setor: Diversos | País: Estados Unidos

2000px-General_Electric_logo.svg

 

9º. China Mobile: US$ 47,9 bilhões

Setor: Telecomunicações | País: China

china_mobile-logo

 

10º. Walmart: US$ 46,7 bilhões

Setor: Varejo | País: Estados Unidos

walmart

 

 

Fonte: Brand Finance

Lista completa neste link

 

Agora confira 5 lições que podemos aprender com milionários

Sem respostas

O que é necessário para planejar sua carreira?

Planejar a carreira é fundamental para o crescimento profissional, pois é através do planejamento que é possível estabelecer os objetivos pessoais e aonde deseja chegar. Entretanto, durante a vida corporativa podem surgir muitas situações e oportunidades que podem até fugir do planejamento, mas cabe ao profissional avaliar se deseja aproveita-las ou não. Veja 5 dicas para te ajudar no planejamento da sua carreira:

 

1.Analise sua realidade

Para iniciar o planejamento da sua carreira o primeiro passo é analisar a sua realidade. Tenha em mente: está usando seus talentos, pontos fortes e conhecimento de forma produtiva, a fim de gerar os resultados que você deseja? Como você se enxerga hoje em relação à sua carreira? Entender a sua realidade é fundamental para estabelecer um propósito claro de carreira.

desiciondecompra

 

2.Tenha objetivo definidos

O que você quer alcançar? Mudar de emprego? Subir de cargo? Mudar de carreira? Ter o próprio negócio? O que você realmente deseja para sua carreira? E que impacto isso terá na sua vida pessoal? Se você não tiver os objetivos definidos, você pode ser levado a um lugar que não gostaria de estar.

metas

 

 

3. Pesquise o mercado que irá atuar

Você sabe como está o mercado que quer atuar? Já imagina a empresa que deseja trabalhar? O que você tem para contribuir com o mercado? Você está preparado?

Como-escolher-o-nicho-para-vender-importados

 

4. Crie um plano de ação

Você sabe o que quer para a sua carreira para daqui um, dois ou 10 anos? É importante escrever o que deseja para definir os objetivos. E lembre-se: é importante estabelecer prazos para concluir cada etapa.

6-dicas-para-um-bom-plano-de-acao

 

 

5. Esteja preparado para mudanças

Por fim, mas não menos importante, estar preparado para mudanças é fundamental! Perceba o que está acontecendo diariamente e se você está conseguindo realizar aquilo que deseja.  Analise os resultados das suas ações e altere-as sempre que necessário. É preciso ter flexibilidade para mudar o comportamento até conseguir alcançar a sua meta. Tenha sempre um plano B, mas sem perder o seu foco.

mudar-de-carreira-desenho

Sem respostas

3 dicas para escolher o melhor uniforme para a sua empresa

O uniforme faz parte do profissionalismo e imagem de uma empresa, pois passa segurança, confiança e organização. E, para a escolha do uniforme, muitos aspectos podem influenciar diretamente na melhor decisão.

Primeiramente é importante observar se o ambiente de trabalho é formal – como hotelaria, recepção –  ou informal – departamentos de marketing ou serviços. Depois, considerar o número de funcionários e definir se haverá diferenciação dos modelos para cada departamento da empresa. A temperatura ambiente do local também deve ser considerada.

Para você não se perder na hora de escolher o melhor uniforme, separamos três dicas para a escolha do uniforme da sua empresa:

 

1. As cores certas: Tenha em mente qual ideia se quer transmitir com as cores dos uniformes? Limpeza, organização, seriedade, rapidez, neutralidade? Qual o ramo da sua empresa?

shutterstock_BAIXA31

 

2. Escolha do Tecido: Além das características convencionais, está a comodidade e segurança do colaborador. Dependendo do seguimento da empresa, opte por roupas leves e de fácil lavagem.  Lembre-se cortes confortáveis e modernos, evita passar aos outros a impressão de desleixo. Cortes antigos e largos demais, fazem tanto o funcionário quanto o cliente se sentirem desconfortáveis. O uniforme dirá muito sobre sua empresa, bem ou mal.

New-Style-Summer-Fashion-Women-Blouses-Shirts-Short-Sleeve-Red-Formal-Ladies-Office-Uniform-Blouses-OL

 

3. Escolha do fornecedor: A escolha do tecido, cor e estilo já é de difícil decisão, o que nos faz surgir a seguinte dúvida, a que fornecedor recorrer?

A Corpo Rico tem como missão atender os clientes e fazer eles superarem as suas expectativas, conquistando e fidelizando-os através de seus produtos e serviços de forma a maximizar o retorno sobre o capital investido. No site, possibilita a simulação do seu uniforme personalizado.

Veja como é simples Aprenda a montar um Uniforme Personalizado

 

Acesse o site do Corpo Rico e simule o seu!

 

Boa sorte e conte conosco!

Leia Motivos para aplicar o uso de uniformes em sua empresa

 

Sem respostas

Como ser um líder em 5 passos

A liderança é uma das habilidades mais almejadas no mercado de trabalho, a capacidade de administrar negócios e gerenciar pessoas é uma tarefa que exige muita competência e dedicação.

Por isso, separamos algumas dicas diárias de liderança para te levar a ser um bom líder:

  1. Traga segurança para a sua equipe:

O líder bem-sucedido não intimida sua equipe, pelo contrário, incentiva para expressarem suas opiniões. Incentivar a equipe é fundamental para criar um ambiente seguro, onde todos tenham confiança em expor seus pontos de vista.

  1. Tome atitude e faça acontecer

O líder é especialista em tomar atitude, ele dialoga com sua equipe para chegar a uma conclusão estratégica. E age! Estão sempre ‘’fazendo acontecer’’ a todo momento.

  1. Desafia a equipe a pensar

Um bom líder conhece muito bem as características de sua equipe, e por isso sabe muito bem como desenvolver suas capacidades. Através do seu próprio conhecimento, ele está sempre desafiando sua equipe para alcançar certa meta. Mas sempre os deixa confortáveis para crescer.

  1. Seja o exemplo

O líder é o mais visado da equipe, deve ser o espelho de excelência, portanto, não deixe de ser o exemplo, sempre!

  1. Forneça Feedback

Os colaboradores esperam saber se estão tendo um bom desempenho, e quem melhor que um bom líder para orientar se algo estiver errado, porém, o funcionário só vai saber se está errado, se ouvir o certo.  Preste atenção e aprecie ideias também, é um modo de mostrar a importância dos membros da equipe, assim criando um relacionamento de confiança mútua.

Sem respostas

Casos reais de sucesso pós fracasso.

Muitas pessoas tem a percepção de que os empresários de sucesso ou os atores famosos são vencedores na vida, ou até mesmo sortudos. Mas o que muitos não sabem é que algumas destas pessoas sofreram muito e foram diversas vezes rejeitados, até se consagrarem como o que são hoje, e que a persistência, foi o fator crucial para o sucesso.

Você sabe quem é Sylvester Stallone? Eu acho que sim, mas há 40 anos atrás, antes de Rocky, o lutador, ninguém conhecia o ator. O que muitos desconhecem, é que Stallone passou por um período financeiro crítico junto com sua mulher, mas nunca desistiu do sonho de atuar. Ele escreveu o roteiro do filme Rocky e acreditava nele cegamente. Após viajar os Estados Unidos de ponta a ponta procurando um comprador para seu roteiro, nenhum cineasta concordava em produzir o filme. Sua crise financeira chegou no limite e ele teve até que vender seu cachorro para poder comprar comida para ele e sua esposa.

Por fim, um cineasta ofereceu 200 mil dólares para produzir Rocky, mas de forma alguma Stallone podia ser o ator do filme, por ser apenas um novato. Ele incrivelmente recusou a proposta, pois acreditava que aquele filme era a chave de toda sua carreira de ator. Após muita negociação, ele vendeu o roteiro para o cineasta por 20 mil dólares e o direito de ser o ator principal do filme. Graças a essa decisão, hoje ele é um dos atores mais conhecidos de todo o mundo.

20528714

No meio corporativo já aconteceram muitas histórias parecidas. A história da AVON começou com a persistência de um vendedor de enciclopédias. David McConnell vendia enciclopédias de porta em porta, mas não conseguia a atenção de nenhuma dona de casa. Precisando de dinheiro e de alguma ideia nova, contou seu problema para um amigo farmacêutico, que também estava com problemas para vender os perfumes que confeccionava. Então David fez um acordo com o farmacêutico, e começou a mostrar pequenos frascos de perfumes para atrair a atenção das pessoas, como uma forma de brinde, caso a compra fosse feita. Aconteceu que as pessoas pediam para ficar com os perfumes, mas mesmo assim não compravam as enciclopédias.

Um dia qualquer David foi parado na rua por uma mulher, que disse que seu marido havia adorado o pequeno frasco de perfume, e perguntou para David se ele tinha mais daquele tipo. Ele informou que era apenas um brinde, mas a mulher insistiu e disse que ela estava disposta a comprar mais. David deixou a enciclopédia de lado, e começou a vender os pequenos perfumes. Futuramente, se tornou o fundador de uma das maiores empresas de cosméticos do mundo todo.

O sucesso após o fracasso é bem mais comum do que imaginamos e, em todos os casos, as pessoas não foram abaladas, nem deixaram de ser persistentes. O fracasso é a melhor maneira de encontrar seus erros, saber que algo deve ser feito e é essencial não interpretar o fracasso como derrota. Bola pra frente!

Sem respostas

Uniforme personalizado para fim do ano

As vendas de final de ano são sempre importantes para os varejistas, que aproveitam essa época de festa para fazer promoções e aproveitar ao máximo a demanda que é criada. Por isso, muitas empresas costumam traçar estratégias em seu atendimento, e um exemplo desse é fazer um uniforme personalizado de fim de ano.

O Natal e o Ano Novo são datas que promovem a compaixão, a felicidade, a amizade, entre outros sentimentos, e os dois eventos também possuem cores que representam as datas: O vermelho para o Natal e o branco para o Ano Novo. Assim, muitas lojas fazem seus uniformes personalizados para comemorar essas datas e mostrar para o consumidor que estão no clima de festa.

O uniforme personalizado de fim de ano, é uma ótima escolha para cativar o cliente, incentivar o consumo, e faz com que o consumidor se sinta acolhido pela loja. Deste modo, o atendimento fica personalizado e pode fidelizar o cliente, aproximando cada vez mais a loja do consumidor.

As confraternizações de fim de ano também são bem comuns no cenário corporativo, e as camisetas personalizadas estão presentes seja para descontração, ou para guardar uma lembrança daquele ano.

A Corpo Rico recomenda o uso de uniformes personalizados no fim do ano, e diz que vai sim ajudar nas vendas. Uma loja com personalidade consegue se aproximar mais do consumidor. Faça um orçamento aqui em nosso site e crie seu próprio uniforme.

Sem respostas

Recursos mais importantes para as empresas segundo os empreendedores

Para se destacar no cenário corporativo, uma empresa deve analisar diversos pontos internos e externos para crescer com bons alicerces e se sustentar pelos anos que se seguem. Mas quais fatores devem ser analisados? Uma pesquisa feita em 2011 com diversos empreendedores, talvez tenha a resposta.
Empreendedor satisfeito

O Fórum Econômico Mundial (WEF, em inglês) apresentou um relatório dizendo que 5% das empresas, as que possuem alto crescimento, geram mais empregos e receita do que os outros 95%. Isso instigou os pesquisadores a procurar saber quais são os fatores que os empreendedores do mundo inteiro apontavam como os mais importantes para o desenvolvimento da empresa. A resposta foi a mesma em todos os cantos do mundo.

A pesquisa ouviu pessoas de oito regiões diferentes, são elas: Vale do Silício nos EUA, outras cidades dos EUA, América do Norte, Europa, Austrália e Nova Zelândia, Ásia, África e Oriente Médio e América Latina, e a maioria dos empreendedores pesquisados responderam que os fatores mais importantes para o crescimento da empresa são o acesso aos mercados, a oferta de mão-de-obra e o financiamento/investimento.

De outro modo, podemos colocar que o acesso aos mercados são os consumidores. Os entrevistados colocavam os clientes locais como os mais importantes para a empresa, pois são esses que possuem melhor relacionamento e também mais fáceis de fidelizar.

Já a oferta de mão-de-obra capacitada ou o chamado “talento” é vista com grande importância para as companhias e os profissionais de administração e técnicos são o de maior valor. Treinamento e a importância da universidade do profissional foram muito pouco comentados.

Os financiamentos e os investimentos são as áreas apontadas como mais importantes, junto com a mão-de-obra, uma vez que investimentos-anjo e capital de risco foram dois financiamentos que se mostraram útil quando a ideia é fazer sua empresa crescer.

Portanto concluímos que não importa onde a empresa está instalada, ou em que mercado atua, certas aplicações sempre vão ser importantes para a evolução da empresa segundo os próprios empreendedores.

Esperamos ter ajudado. Boas vendas.

Sem respostas

Você já fidelizou um cliente hoje?

Deus salve os clientes!

A paráfrase da expressão inglesa de adoração a rainha (God save the Queen) deixa bem clara a importância dos consumidores: sem eles não há negócio, feito ou de portas abertas. Mais do que buscar por novos clientes, manter os atuais próximos da marca é essencial.

Uma pesquisa realizada pela American Society for Quality (ASQ) indicou os principais motivos pelos quais empresas perdem clientes. Para 65% dos consumidores entrevistados, a indiferença dos atendentes é um agravante; 14% citam as reclamações não atendidas; 10% sinalizam as vantagens oferecidas pela concorrência. Em outra pesquisa, feita pela Havard Business Review, 67% dos consumidores que optaram por um novo fornecedor afirmaram estar satisfeitos com o anterior, apesar da troca.

Outro dado alarmante é a perca, em média, de metade da base de clientes de uma empresa a cada cinco anos. Sendo assim, não basta proporcionar um bom atendimento, é necessário inovar e buscar por alternativas que fujam do senso comum.

Que tal investir em um banco de dados dos seus clientes? Você poderá saber do histórico de compras do consumidor e personalizar o atendimento e a negociação conforme suas necessidades. Essas informações te ajudarão, ainda, a manter um relacionamento mais próximo, direcionando a comunicação da marca para segmentos de público específicos, por exemplo.

Praticar ações que promovam o relacionamento do cliente com a marca também é importante. Lembre-se do aniversário, mande uma mensagem no Dia das Mães e por aí vai. Outra ferramenta útil é, ainda que considerada démodé por alguns, a caixa de sugestões. Consumidores, por natureza, gostam de expor suas opiniões e de serem valorizados, aproveite dessa prática para ir além e encantar seu público.

Frente à concorrência desenfreada, fidelizar um cliente pode ser um desafio e tanto. Esse processo começa durante a venda, estando diretamente ligando ao desempenho dos colaboradores. Um consumidor que recebe um bom atendimento tende a retornar (além de publicar no Facebook, Twitter, contar para os amigos…), logo, é importante investir em uma equipe preparada e, acima de tudo, motivada.

Acompanhe a Corpo Rico também no LinkedIn.

Sem respostas

5 tendências de marketing para 2015

A aproximação com o fim do ano é sinônimo de planejamento, chegou a hora de rever o que foi feito e pensar no que virá pela frente. Ficar de olho no comportamento dos consumidores, tecnologias, tendências e se antecipar quanto a elas pode colocar marcas um passo a frente de seus concorrentes.

Confira cinco tendências para o marketing em 2015:

1. Seja transparente e coerente
Para fidelizar um consumidor é necessário ir além muito além do bom atendimento e qualidade de produto. Cada vez mais os consumidores estão inseridos no universo das marcas, logo, ser transparente e coerente é necessário. Poucas são as empresas que conseguiram isso até agora.

2. Simplifique
O surgimento e a disseminação de novas ferramentas tem aumentado o fluxo de informação e trabalho que as empresas têm que administrar. Simplificar essas atividades é necessário para que o negócio não se perca em meio as suas próprias burocracias.

3. Seja ágil
Os planos em longo prazo ficaram em segundo plano. O momento pede focos próximos e assertivos, agindo em tempo real.

4. Inove
Inovar é sempre necessário, mas frente a um mercado de consumidores com sede de novidades e exclusividade, apostar na criação de produtos e serviços cada vez mais personalizáveis é preciso.

5. Aposte na comunicação interna
Para que o relacionamento com o público seja o melhor possível, é preciso incentivar os colaboradores a entrarem no clima do negócio, tornando-os embaixadores da marca. A familiaridade deles com o storytelling e o propósito da companhia é extremamente necessário.